• Cabeçalho

CRM sempre resiliente! A sala Teacch é uma realidade...


O CRM de Assumar enfrenta todos os dias novos desafios e há que ser resiliente para estar à altura de os enfrentar com sucesso.

A perturbação do espetro do autismo (PEA) tem sido um dos grandes desafios a desvendar e a equipa técnica do CRM sentiu necessidade de encontrar estratégias e metodologias capazes de ir ao encontro das reais necessidades daqueles a que assiste diariamente, nomeadamente neste caso específico, os portadores de PEA, e todas as variáveis que envolvem a sua condição. Há que entender o autismo, para traçar um plano de atuação eficaz.

Neste sentido a Terapeuta da fala e a professora de educação especial propuseram à instituição a criação de uma sala a funcionar no modelo Teacch, por sentir que o mesmo é a resposta para estas alunas, cujo ambiente envolvente interfere na sua qualidade de vida. Neste sentido apresentou-se o modelo Teacch como resposta uma vez que o mesmo assenta em tornar o ambiente mais previsível e facilitador, criando um ambiente estruturado, com estímulos controlados, para que estas utentes encontrem um ambiente equilibrado de forma a sentirem a estabilidade necessária ao seu processo de ensino/aprendizagem e reabilitação.

A proposta foi bem aceite pela direção do Centro de Recuperação de Menores de Assumar e hoje, dia 8 de junho, dia do Sagrado Coração de Jesus, inaugurou-se a Sala Teacch do CRM. Esta simbiose entre o “Fazer o bem, bem feito” e a força que o Sagrado Coração de Jesus nos dá a cada dia, para fazermos mais e melhor, foi a combinação perfeita para que acreditemos que este projeto vai traçar um caminho de sucesso para estas Utentes.

 

Professora - Isabel Vaz

Terapeuta da Fala - Inês Gomes



© Copyright 2019, Irmãs Hospitaleiras. Todos os direitos reservados.