• Cabeçalho

A magia de uma ida ao circo!!!


Já todos fomos ou somos crianças! O nascer, por si só, implica que passemos obrigatoriamente por essa fase de que praticamente todos os adultos têm saudade. Saudade de brincar, de relativizar, de desconhecer que a vida adulta nos traz tantas provações. Deveríamos viver esta fase da vida, tão importante na construção da nossa personalidade, onde aprendemos a CRESCER e a SER de forma alegre, consistente e cuidada a todos os níveis, porém a história da humanidade nem sempre zelou pelos interesses das crianças e ainda muito há a fazer.

Numa época em que as populações viviam muito mal, especialmente as crianças, devido aos efeitos da 2ª Guerra Mundial, houve a tentativa de fazer vingar os direitos dos mais pequenos alertando para a necessidade de os proteger.

O dia 1 de junho surgiu para que os direitos das crianças fossem valorizados, quando em 1946, a ONU (Organização das Nações Unidas), começou a tentar mudar esta situação. Deu-se então o surgimento da UNICEF (Fundo das Nações Unidas para a Infância) que é conhecida mundialmente pelo que faz pelas crianças em todo o mundo. Apesar de todos os esforços na altura, ainda era difícil fazer com que o mundo olhasse para os direitos das crianças com “olhos de ver”, então em 1950 a Federação Democrática Internacional das Mulheres propôs à ONU que fosse criado um dia dedicado às crianças em todo o mundo. Esta data foi comemorada pela primeira vez em 1 de junho de 1950.

No Centro de Recuperação de Menores de Assumar assinala-se sempre este dia, dada a sua relevância. Este ano o dia 1 de junho foi comemorado com uma ida ao circo, onde o imaginário das crianças permitiu, mais uma vez, viver momentos de magia numa viagem fantástica ao mundo circense. As gargalhadas e boa disposição fizeram deste um dia em que o sorriso das crianças do Centro de Recuperação de Menores levou até à vila de Monforte a alegria deste centro, numa simbiose com a magia que envolve o circo.

Como instituição que acolhe crianças temos o dever de as proteger, cuidar e tornar os seus dias mais felizes e neste dia tão especial, entre música, peripécia, onde as pipocas também vieram animar ajudar a festa, ouve muita cor, ressaltou a alegria daquelas a que assistimos, o que nos enche o coração.

Estamos gratos à Câmara Municipal de Monforte, nossa parceira, que disponibilizou mais uma vez os seus serviços e permitiu que a alegria reinasse neste Dia Mundial da Criança. Sem dúvida que juntos somos mais fortes na nossa atuação para com aqueles que dependem de nós.

Que continuemos a defender as nossas crianças, de mãos dadas com os parceiros e com a comunidade em geral, criando condições para que cresçam fortes e felizes enquanto houver dias...enquanto houver crianças, pois serão elas os homens e mulheres de amanhã!!!

 

Professora - Isabel Vaz



© Copyright 2019, Irmãs Hospitaleiras. Todos os direitos reservados.